8-dicas-de-segurança-na-utilização-do-seu-elevador-automotivo

8 dicas de segurança na utilização do elevador automotivo

Você que acompanha o nosso blog já sabe que o elevador automotivo é um dos equipamentos indispensáveis para sua loja de automóveis, auto center ou oficina mecânica. O elevador – que geralmente é hidráulico – suspende os veículos, inclusive os mais pesados, permitindo que o mecânico consiga realizar o serviço de manutenção com mais rapidez e qualidade.

Como todo equipamento, você precisa operá-lo de forma segura, não é verdade? Por isso, separamos 8 dicas de segurança que vai ajudá-lo a utilizar o elevador automotivo. Por aqui você vai aprender que com simples atitudes é possível conservar seu equipamento e trabalhar com muita tranquilidade. Ficou interessado em conhecer essas dicas? Então, acompanhe a leitura!

1. Coloque o veículo no centro do elevador

Quando seu colaborador utilizar o elevador automotivo, posicione o veículo no centro do equipamento. Dessa maneira, você garante que todo o peso seja distribuído corretamente. Além disso, evita qualquer tipo de perigo como deslizamento do automóvel ou que seu equipamento seja danificado por causa dos pesos desiguais.

2. Retire o peso extra

Verifique se há objetos pesados no porta-malas ou na carroceria do automóvel. Caso tenha, retire-os. Elevar um carro com bagagem extra ou carga força o elevador e desestabiliza o equipamento. No entanto, para que você não precise mexer nos objetos do cliente, antes de pegar o serviço, certifique-se que não há nada esquecido no bagageiro do automóvel.

3. Observe os pontos de apoio

Nos automóveis modernos há marcações do fabricante com o local mais indicado de encaixe nas sapatas de sustentação. Por isso, antes de colocar o veículo no elevador, verifique os pontos de apoio. Isso também acontece com o macaco hidráulico. Porém, no caso do elevador, essas marcações são ainda mais importantes porque o carro estará completamente suspenso.

4. Faça um teste com o elevador automotivo

Não eleve o automóvel de vez, faça um teste com o elevador automotivo. Puxe a alavanca rapidamente apenas para o carro sair do chão. Dê uma olhada para ver se tudo está certo e levante totalmente o veículo. Com essa simples atitude você garante que nada dê errado ou fique enroscado durante o processo de operação do equipamento.

5. Nunca lave os veículos no elevador

Seria ótimo lavar o veículo que está suspenso no elevador automotivo, não é verdade? Entretanto, nunca faça isso! A água danifica os componentes eletrônicos do equipamento e ocasiona oxidações. Para este fim, utilize elevadores específicos para lavagem. Eles têm pintura própria que evita a oxidação das partes metálicas e uma blindagem especial que não permite o contato da água com as partes elétricas e internas do equipamento.

6. Mantenha o equipamento lubrificado

Uma das dicas de segurança mais importantes é manter o elevador lubrificado. Isso deve ser feito de acordo com as recomendações do fabricante. Dependendo do modelo do equipamento, a lubrificação pode ser com graxa, automática a óleo ou manual a óleo. No caso da manual a óleo e da graxa, a lubrificação deve ser feita a cada 15 ou 30 dias. Esse tempo dependerá do uso do equipamento e do ambiente em que ele se encontra.

Já no caso da lubrificação automática a óleo, a troca do lubrificante deve ser feita somente a cada 2 anos. Isso garante a produtividade na sua oficina, já que você não terá que parar mais vezes para dar a manutenção no seu elevador de automóveis.

7. Treine o responsável que vai operar o elevador

Não deixe seu elevador nas mãos de um profissional despreparado. Observe a sua equipe e veja quem tem mais habilidade para operar o equipamento. Treine esse colaborador. Ofereça cursos, incentive para participar de palestras e a fazer pesquisas na internet. Faça pequenos testes com o operador antes que ele comece a trabalhar de fato. Lembre-se que a sua empresa é  a grande responsável pelos veículos que estão ali para a manutenção.

8. Evite exceder a capacidade do aparelho

Jamais pense em colocar um automóvel acima da capacidade do seu elevador automotivo. Além de correr o risco de danificar o veículo do cliente, você força o equipamento, podendo danificá-lo por completo. Cada elevador automotivo possui uma capacidade para o peso. Portanto, respeite as recomendações do fabricante do equipamento.

Agora que você já conhece essas 8 dicas de segurança poderá utilizar melhor seu elevador automotivo, não é verdade? Siga as nossas dicas, evite acidentes e preserve a vida útil do seu equipamento.

Quer ler mais conteúdos como esse? Acesse o nosso próximo post e entenda a diferença entre elevador automotivo eletromecânico, hidráulico e pantográfico!